Espaço dedicado a divulgação dos livros e contos de Oafson Samurn Quem é Oafson Samurn?

10th February 2013

Post

Concurso Cultural Desventuras em Books – Minha resposta

Resolvi responder à 2º Proposta do blog: “…Quem escolher essa proposta vai ter que nos contar em um parágrafo o que faria se descobrisse ser um bruxo. Use da imaginação e boa sorte!…” e meu texto ficou assim:

A persiana não estava totalmente aberta, os raios de sol se infiltravam pelas frestas e insistiam em me dizer que era hora de me levantar, sem pressa, caminhei até o banheiro, em meio a um bocejo, emiti um som estranho e quase caí para trás quando o espelho se rachou na horizontal, parecia uma cena de filme de terror, minha mente buscou explicações, não as encontrei, mas, devia existir um motivo, tentei reproduzir o ruído, sem sucesso, talvez fosse uma coincidência, eu precisava de um novo espelho. Alguns dias se passaram sem novos incidentes, mas, as coisas pioraram quando tossi fogo, isso mesmo, tossi uma labareda azulada que chamuscou minha mão, e, segundo depois o telefone tocou, era minha tia avó Neli, ela falava muito rápido e só entendi que ela estava chegando em breve e que eu não precisava me preocupar, tomei outro susto quando, logo após colocar no gancho o telefone, bateram na porta e a vi pelo olho mágico, se não tivesse visto o número da casa dela pelo identificador de chamadas, teria achado que ela tinha ligado de um celular.
Nossa conversa foi estranha, ela me disse que um poder milenar tinha ressurgido em mim, e que a cada geração, apenas um ou dois de nossos familiares nascia com este dom, eu ainda estava resistente quando ela “tossiu” fogo para o alto.
- Somos bruxos, estou aqui para ajudá-lo a se acostumar com seus poderes!
Foi uma mudança radical no meu conceito de mundo, mas, desde então, tenho usufruído de poderes inimagináveis e que ficam cada vez mais fortes, viajo por todo o mundo simplesmente me materializando onde quero, posso ir ao fundo do mar absorvendo o oxigênio da água, entendo os animais, não preciso trabalhar pois posso simplesmente te fazer ter vontade de me dar seu dinheiro ou posso entrar em uma loja e sair com muitos presentes, sei que não é bonito, mas, isso não é um livro, se tenho poderes é para usá-los, não seria inteligente ter tudo isso e continuar em uma cabine de telemarketing, né?